Wine Dinner no Terraço Itália com vinhos da vinícola Cecchi da Toscana

Logo Terraço

Cecchi

Se tem algo que gosto desta nossa cidade de São Paulo é a vista que podemos ter ao ver a cidade do alto.

Pulsante, intensa e brilhante (Na maioria das vezes), esta vista pode ser compartilhada por todos, no próximo Wine Dinner que acontece no Terraço Itália.

Os elegantes vinhos da vinícola Toscana Cecchi ganham um saboroso menu do chef  Pasquale Mancini em jantar harmonizado, oportunidade única para conhecer estes emblemáticos rótulos e com a presença de Francesco Vittuli, porta voz da marca.

O jantar acontece no próximo dia 4 de abril a partir das 20h ao valor de R$ 220 por pessoa.

No menu, para iniciar, tartar de mignon com pinoli crocante e o tinto vinho Cecchi Sangiovese; o primo piatto é um delicado risoto ao funghi porcini, harmonizado com o vinho tinto Cecchi Chianti DOCG.

Na sequência, carré de javali com gratinado de batatas e creme de parmesão em companhia do vinho tinto Cecchi Chianti Classico. Para finalizar a experiência um merengue ao chocolate branco com mascarpone e calda de morango. Delicioso!

O evento integra parte das comemorações de 125 anos da vinícola. Seus incomparáveis Chianti e Chianti Clássico representam a essência e a tradição da Cecchi, e seu compromisso com a evolução e a tecnologia sustentável. A vinícola colabora com o Conzorzio da região no projeto “Chianti 2000”, que tem o ambicioso objetivo de levar o Chianti a ser conhecido como “o vinho do terceiro milênio”.

As reservas podem ser efetuadas com antecedência devido a lugares limitados pelo telefone 2189-2929 ou pelo email: eventos@terracoitalia.com.br.

Eu estarei lá prestigiando os amigos do terraço Itália e da vinícola Cecchi que admiro tem muito tempo.

Nos vemos por lá!

Sobre o Terraço Itália

O Terraço Itália restaurante, com cinco décadas de história, mantém intacto o alto padrão de seus serviços, se adaptando às novas exigências de mercado, e fazendo jus ao título de cartão postal da cidade de São Paulo. Hoje presidido por Sergio Comolatti, é um complexo de lazer, gastronomia e eventos, com versatilidade para sediar almoços, jantares, eventos sociais e corporativos. Gastronomia comandada pelo chef toscano Pasquale Mancini, serviço impecável, adega com mais de 200 rótulos selecionados dentre bons produtores do velho e novo mundo, fazem de suas salas, restaurante e bar, o cenário perfeito para o desfrute de bons momentos na cidade de São Paulo.  Ao completar meio século, a lenda continua viva e vem surpreendendo a cidade com atrações todos os dias da semana, durante o ano inteiro. Em todo o complexo, sempre há espaço para música e entretenimento de qualidade, boa cozinha, e o empenho de sua equipe para transformar todo tipo de acontecimento em um grande sucesso.

Terraço Itália

Avenida Ipiranga, n°344 – 41° – Centro

São Paulo – SP

Reservas:  SP (11) 2189-2929

Formas de Pagamento: todos os cartões de crédito

Estacionamento com manobrista

www.terracoitalia.com.br

 

 

Cinco relatos de Florença – Todos os relatos agrupados

158

Para quem não teve a oportunidade de ler, volto a postar os cinco relatos da viagem agora agrupados

A Itália é bela, cheia de mistérios em cada canto, histórias nas raízes e nas famílias que se espalharam pelo mundo.

A comida é maravilhosa, os vinhos sempre uma descoberta.

066

Entre pequenas ruas e luzes, vamos descobrindo aos poucos cada lugarejo. Uma descoberta sem fim. Sons e aromas compõem um lindo quadro, formado pelas paisagens apaixonantes, pelas memórias que vão se interligando e por fim, estamos envolvidos neste universo que une história e vinhos.

Tentei ao máximo compor textos que fossem leves, envolventes e que pudessem transportar cada um a vivenciar as situações.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Há muitos relatos que não foram transcritos mas o mais importante é saber que o humor é fundamental em cada situação, em cada momento.

Abri meus olhos e registrei a chuva, o sol, o frio gostoso, as vielas, o chão entre cada vinícola, na cidade, nos pequenos e agradáveis comércios espalhados por todo lado. Na taça de vinho absorvida com intensidade, no pão, na massa, enfim no olhar de todas as pessoas.

Ainda vejo um velhinho com sua bengala, próximo a Ponte Vecchio, caminhando com dificuldade, mas vivendo o seu dia, o seu país, na alegria de quem tem muito para contar…

Espero que o leitor saiba apreciar.

Saúde e bons vinhos, sempre!

Abaixo os links dos posts:

Primeira Parte: Florença, vinhos, gastronomia e histórias

http://vinhodosanjos.wordpress.com/2014/03/03/florenca-vinhos-gastronomia-e-historias-parte-i/

Segunda Parte: Florença: Apresentação na Buy Wine

http://vinhodosanjos.wordpress.com/2014/03/03/florenca-apresentacao-na-buy-wine-parte-ii/

Terceira Parte: Buy Wine Florença, agenda lotada em dia produtivo

http://vinhodosanjos.wordpress.com/2014/03/04/buy-wine-florenca-agenda-lotada-em-dia-produtivo-parte-iii/

Quarta Parte: Tour pela Toscana, produtores, comida local e vinhos

http://vinhodosanjos.wordpress.com/2014/03/06/tour-pela-toscana-produtores-comida-local-e-vinhos-parte-iv/

Quinta Parte (Última): E a Toscana se tornou parte das memórias

http://vinhodosanjos.wordpress.com/2014/03/08/e-a-toscana-se-tornou-parte-das-memorias-parte-v-final/

Tour pela Toscana, produtores, comida local e vinhos – Parte IV

Na manhã seguinte nos encontramos na recepção, todos os hóspedes que fariam parte no tour aos produtores de vinhos, seguiram em ônibus até o ponto de encontro e lá nos dividimos em pequenos grupos. No meu caso, meu grupo era formado por um americano e uma japonesa, ele comprador em Tampa, Califórnia, ela uma agente no Japão. Duas figuras!

Pig II

Nosso produtor nos conduziu á propriedade, onde nos apresentou sua produção, vinhos e também a criação de porcos, o Cinta Senese Pork, de onde se obtém os embutidos de todas as formas e variedades (leia mais em http://cintasenese.blogspot.com.br/). Deliciosos e inesquecíveis.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sentamos junto á família para almoçar e fomos brindados com uma gama enorme de vinhos e pratos. A conversa fluiu solta, em inglês, com diversos WOWs! Do americano e com um riso contido (hihihihi), da japonesa. E eu sorri. Um brasileiro na Toscana, entre um americano e uma japa, na terra de minha avó. Me senti feliz diante daquela mesa, da fartura, da quietude e da oportunidade de vida.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Gargalhei várias vezes, era inevitável e engraçado a conversa tanto pela comunicação e expressões de todos, como pela hilária situação de um brasileiro na Toscana em busca dos melhores vinhos e da melhor gastronomia.

Após a visita, partimos para outro produtor, malas arrastadas por toda a Toscana, no ônibus, nos carros, nos hotéis, na rua, vrammmmmm, lá iam as malas. Muitas malas, muitos trechos, muitas pequenas estradas abençoadas pela paisagem.

IMG_6475

O dia não havia terminado. Cada um foi conduzido ao seu quarto, após circularmos pela vinícola no novo produtor, um rapaz estranho, magro e de óculos, o enólogo da propriedade, um tanto delicado.

Mas meu assombro foi ainda maior quando olhei meu quarto, imenso, no meio do verde e das árvores da Toscana, um sonho. Com lareira, fogão, mesa, sofá, imenso.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cansado, extremamente cansado e pensei: Vamos ao banho e para mais uma maratona. Prova de vinhos com harmonização do produtor. Mais um “massacre” gastronômico e etílico do dia.

Tomei meu banho quente e desci agasalhado. Seguimos para a parte interna da casa, onde nos aguardavam mais 12 vinhos para prova e harmonização prato a prato. Entradas, embutidos, queijos, massas, tudo estava lá, mas o corpo só queria dormir…

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nós três, eu, o americano e a japonesa já éramos íntimos. Sim íntimos nas conversas sobre tudo. O americano falava e gesticulava bastante, era intenso em suas colocações, falava com uma batata quente na boca. A japonesa era discreta, porém divertida e alegre. E lá estava eu novamente, pensando nas entrelinhas da vida abençoada. Rindo até me acabar.

Terminamos a noite com uma torta de sobremesa e claro, Vin Santo sem grappa desta vez.

063

Dormi como um anjo… ou quase…

Remole Toscano Rosso 2010 é destaque no UOL “Vinho & Gastronomia”

A família Frescobaldi tem raízes anteriores ao Renascimento italiano, sempre ligada às artes, cultura e vinhos. E desde o século passado tomou a iniciativa de inovar e produzir vinhos de grande qualidade.

Este Remole Toscano Rosso 2010 é um vinho saboroso, elegante e equilibrado sem passagem em madeira. É um tinto com Sangiovese, a grande uva da Toscana e uma pequena parte de Cabernet Sauvignon que lhe dá mais estrutura e retira aquela acidez mais instigante da Sangiovese. Um vinho moderno, portanto. Ou melhor, modernoso de moderno + saboroso.

Saboroso e fácil de beber. Frutado. Aromas florais e de frutas vermelhas e negras. Especiarias. É um vinho de meio corpo, equilibrado, macio com a acidez gastronômica dos italianos, feitos para acompanhar as refeições.

Agradecimento á Sílvia Cintra Franco, do UOL – Vinho & Gastronomia

Link: http://vinhoegastronomia.uol.com.br/recomendados/remole+toscano+rosso+2010

Vinho disponível na Vinnobile por R$ 63,00: http://www.vinnobile.com.br/produto/100/8508/remole-igt-2010