Monte Dictis, nova importadora apresenta seus vinhos gregos

20190918_201341

Entre brancos e tintos o top da Grécia na taça

A Monte Dictis surge como uma ótima opção para aqueles que amam os vinhos gregos ou mesmo para quem aprecia um vinho bem feito e quer conhecer melhor as opções que o mercado oferece.

Com 25 vinhos em seu portfólio, entre brancos, tintos e Vinsanto, a nova importadora aposta no nicho trazendo vinhos de qualidade.

Tive a oportunidade de em jantar no restaurante Mýtho, provar as harmonizações com pratos e me surpreendeu a qualidade dos vinhos brancos trazidos, principalmente quando se fala em castas autóctones, ou seja, fugindo do padrão internacional de uvas.

Um dos berços de nossa civilização, a Grécia tem sua história milenar no vinho, cravada em características e uvas bem particulares, em terroirs muito próprios, formados por montanhas e mar, em solo vulcânico arenoso e argiloso.

Todas estas características acabam marcando o vinho e neste jantar não foi diferente.

Não pretendo citar todos os vinhos, mas em particular o que me surpreendeu pela amplitude de aromas e no paladar igualmente amplo.

20190918_203621

Assim, a uva Assyrtiko presente em dois vinhos brancos que provei, sendo eles o Assyrtiko 2016 do produtor Alpha Estate, 100% da uva Assyrtiko.

Um vinho agradável e aromático, com notas florais e cítricas. Em boca é untuoso apresentando bom “peso” de corpo, frescor e persistência. A colheita é manual e o vinho permanece quatro meses em contato com as borras.

Mas o vinho que sem dúvida alguma me encantou tanto pela complexidade dos aromas e sua elegância e diferenciais, como em boca foi o Argyros Satorini 2017 produzido pela Estate Argyros, com DOP Santorini.

Vinho com 14% de álcool, proveniente de solos arenosos e vulcânicos, é um exemplar que mostra as características de forma bem marcante quanto ao teroir, já que mistura a mineralidade, a parte cítrica com as características da fruta em todo o seu esplendor.

Em boca é fresco e untuoso, final prolongado evidenciando sua complexidade muito após ter sido provado. Um vinho que pode ser guardado tranquilamente por cinco anos ou consumido de imediato. Fácil de harmonizar com peixes e frutos do mar e fácil de beber.

O que surpreende além de toas as características marcadas e marcantes, é que não tem passagem em madeira e nem por isso perde em complexidade em conjunto.

20190918_194504

Dos tintos cito dois vinhos, o Xinomavro 2016 da Alpha Estate. Vinho da uva Xinomavro 100% DOP Amyndeon. Passagem de 12 meses em carvalho francês.

Cito também o vinho Ecosystem Xinomavro Reserve 2015, mais complexo, com passagem de 24 meses em barricas novas de carvalho francês, imperceptível se for pensar em tempo de maturação, e mais 12 meses em garrafa.

Ambos os vinhos com muitas pontuações internacionais e de críticos do mundo todo.

Claro que provei vinhos das uvas mais conhecidas como a Chardonnay e também da uva Sauvignon Blanc. Somente em todos os tintos provados (Foram quatro), é que as uvas eram todas autóctones, além da Xinomavro em corte com Syrah e também com a uva Merlot.

20190919_130631

Mas uma das outras grandes surpresas da noite foi o Vinsanto 4 Years Barrel Aged 2011, vinho DOP Santorini de sobremesa, corte das uvas  (80%), Aidani (10%) e Athiri (10%).

Proveniente de solos vulcânicos teve sua última edição em 2011.

É um vinho de colheita tardia, cujas uvas secam naturalmente ao sol. Tendo seu envelhecimento de quatro anos em barricas de carvalho antes de ser lançado ao mercado.

Um néctar que pode ser guardado por mais de 30 anos.

Sua cor é escura, lembrando caramelo. No nariz e em boca notas de frutas secas e laranja. Em boca algo de ervas e damasco. É untuoso e tem final longo e excelente acidez.

Harmonizado com pudim de iogurte.

Para quem deseja saber mais, a importadora possui 25 vinhos em seu portfólio, onde aparecem também o vinho rose e espumante.

Serviço

Importadora Monte Dictis

Rua Emílio Blum, 131 – Florianópolis – SC

Telefone (48) 3220-0909 / (11) 99543-2087

www.montedictis.com

 

 

 

 

 

 

Confraria Gourmet: Mãos que materializam ideias em delícias

20190910_121241

“Mãos de fada que alimentam delicadezas”

Existem alguns lugares em São Paulo para os quais devemos voltar nossos olhos para os detalhes.

Assim é o confraria Gourmet, comandado pela chef Jennifer Kreibich, jovem sonhadora e que materializa suas ideias em seus pratos e no seu dia-a-dia entre produtos orgânicos, sustentáveis, e a busca pela harmonia em cada detalhe e prato.

Localizado na Bela Vista, é pequeno e aconchegante, eu diria que é um local de “mimos” e “coisinhas” espalhadas pelo ambiente, onde é preciso saber “olhar”…

20190910_125843

O lugar é gracioso e cuidadosamente pensado nos detalhes, desde o banco colorido na calçada ás flores nos vasinhos ou os enfeitinhos das mesas em argila e as almofadas coloridas.

O local tem sua simplicidade sim, mas para quem entende a proposta da chef logo percebe a leveza do local e o foco, claro, são os pratos, sabores e as possibilidades nas harmonizações.

20190910_130725

Logo de início foram servidos palitinhos de polvilho e batata doce funcional molhadinhos no ketchup vegano, coisa simples e cuidadosa.

Tivemos a oportunidade de provar dois dos pratos do menu do dia, já que a casa tem duas opções diárias no almoço a um preço fixo de R$ 34,00.

20190910_155225

Provamos o gnocchi de espinafre ao molho bechamel com gengibre, pistache e broto de beterraba. Um prato que é de uma delicadeza visual e muito mais em sabores, acentuados pelo molho e pela maciez da massa. Um colírio aos olhos!

20190910_133524

20190910_133534

Provamos também o filé de frango orgânico Kôrin à parmegiana e quinoa aromática que leva um delicado toque de limão.

Na sobremesa mais delicadeza, um Tartelete com doce de leite, ganache e cubinhos de kiwi, tudo em harmonia de sabores e cores.

20190910_135702

Harmonia e leveza pré, durante e pós refeição.

A proposta da casa é combinar alimentos segundo nossas necessidades, buscando uma integração do homem em preservação com o meio ambiente e a natureza. Sim, há pratos vegetarianos e veganos, sem lactose e sem glúten, mas tudo em um equilíbrio difícil de ser encontrado por aí.

A casa serve café da manhã, almoço com duas opões e jantar com cardápio bem diferenciado, além de drinks e bebidas.

Percebe-se o “amor” pelo trabalho e pelo conhecimento difundido em cada novo prato e cardápio apresentados.

Recomendo!

Mãos delicadas, ideias criativas

Mãos delicadas, ideias criativas

Serviço

Confraria Gourmet

Rua Herculano de Freitas, 300 – Bela Vista – São Paulo – SP.

 

 

 

Assado de Tira do North Bar e Grill em São Paulo

Assado

Os melhores grelhados (e vinhos) no espaço gourmet do Shopping Frei Caneca 

North Bar e Grill, um dos principais restaurantes da capital paulista especializado em grelhados, busca constantemente agradar seus clientes e oferece deliciosas sugestões de cortes para agregar sabor e qualidade às refeições.

Uma das deliciosas opções sugeridas pelo restaurante é o Assado de Tira, um corte especial da costela do boi, perfeito para compartilhar como entrada, ou para os apaixonados por carne, como prato principal.

O restaurante oferece o corte por R$35,00. Para harmonizar com o Assado de Tira, a sugestão são vinhos mais encorpados como o Cabernet Franc, com notas de frutas vermelhas e especiarias, o o Cabernet Sauvignon. A carta oferece diversas opções para a escolha do cliente que pode se deliciar tanto com os tintos como com diversas outras opções. Visite a adega climatizada do North Bar e Grill e confira “in loco” os vinhos.

Sobre o North Bar e Grill
North Bar e Grill conta com uma exclusiva churrasqueira a carvão que proporciona maior maciez às carnes e peixes selecionados. O carvão transformado em brasa deixa os grelhados mais saborosos e com o inconfundível aroma de churrasco.

A adega climatizada do North Bar e Grill possui mais de 1.200 rótulos.

No restaurante é também possível participar dos jantares enogastronômicos e degustações harmonizadas. Tudo isto em um ambiente aconchegante, charmoso e com atendimento especial. Acompanhe a programação!
North Bar e Grill
Rua Frei Caneca, 569 – 3º Piso – Espaço Gourmet
Telefone para reservas: 11 3472.2038
www.northbaregrill.com.br

 

No Inverno ou no Verão, Campos do Jordão em qualquer estação – Parte II

20190709_122049

Dicas de onde se hospedar e comer em Campos do Jordão / SP

Continuando nossa matéria com dicas importantes, não poderia deixar de mencionar os espetaculares restaurantes que pude visitar e apreciar em Campos, cada um com sua particularidade. Bem como sobre o Hotel Toriba, onde ficamos hospedados na última noite.

Naquela manhã geladinha em Campos, após o café, fomos mais uma vez dar um passeio pelo centrinho e entre uma parada e outra, tomamos nosso “amado” cafezinho.

O sol já aquecia a manhã e o ventinho cortante roçava nossos rostos. O tempo voava, como nos bons momentos onde tudo parece perfeito, tanto é que quando nos demos conta já era hora de rumar para o almoço no restaurante Dona Chica, localizado afastado do burburinho.

20190709_121737

Fica no Parque Estadual de Campos do Jordão, o Horto Florestal.  Apesar de um tanto mais distante, vale muito o passeio, tanto para os casais como para á família e crianças, já que há local de descanso aquecido e brinquedos.

Não posso deixar de mencionar a agradável gastronomia que busca ingredientes regionais com deliciosos sabores de uma culinária natural e artesanal.

Fomos muito bem recebidos. O local é bem arborizado e aconchegante.

20190709_132129

 

Lá provamos bolinhos diversos e o “porquinho” ou Leitão Caipira, acompanhado de arroz, salada, batatas, feijão e farofa de pinhão, além de queijos “vivos” da Mantiqueira. Uma refeição maravilhosa que foi finalizada com um trio de doces caseiros. De “babar”!

O local também possui um empório, onde é possível comprar mel, queijos, cachaça e muitas outras gostosuras.

O almoço foi longo entre os amigos, coquetéis e a boa conversa.

Saímos animados e retornamos ao hotel onde fizemos uma breve caminhada e descansamos até a noite.

Após tomarmos nosso banho e nos dirigirmos mais uma vez ao centrinho de Campos, fizemos algumas “comprinhas” (Ninguém resiste a um chocolate!), nos dirigimos ao restaurante Vila Chã onde fomos recebidos pelo proprietário, Nelson.

20190709_202634

Lá provamos iguarias como a “Alheiras de Mirandela”, típico embutido português, e claro, fomos acompanhados do vinho Gran Cuvée Espino Chardonnay 2016 que combinou tanto com a entrada como com o prato principal escolhido, um Bacalhau à Vila Chã que vem acompanhado de brócolis, azeitonas pretas e batatas portuguesas, uma delícia!

A casa é muito bem localizada e próxima ao centrinho. É ampla, bem distribuída em seus espaços internos e possui uma infinidade de vinhos que atendem o melhor e mais exigente apreciador. Nem preciso comentar dos pratos, são muito bem feitos e saborosos.

Após a sobremesa nos dirigimos bem cansados pela atividade do dia para o nosso hotel onde repousamos.

20190710_123406

Dia seguinte mais um dia de “rotina” e “orgia” gastronômica, entre as andanças e caminhadas o objetivo agora era conhecer o novíssimo (e recém inaugurado) retaurante Moringa Mantiqueira.

Comandado pelo chef Vitor Rabelo, é um restaurante que busca uma gastronomia regional com composições inusitadas e harmônicas. Ainda é um endereço a ser explorado (E aproveitado) pelo visitante de Campos.

20190710_124310

Cheirando “novo” apresenta opções em entradas como o bolinho de jiló recheado com linguiça e empanado na farinha de torresmo (R$ 22,00 a porção), uma das iguarias que provamos.

Provamos o Bife de chorizo serenado com açúcar mascavo dos coqueiros, creme de mandioca, brócolis caipira e molho roti (R$ 44,00) e também o Jarret de leitão Del Veneto, angu mole de milho crioulo, banana grelhada e couve refogada (R$ 48,00), acompanhado do vinho brasileiro BAU 9.4 safra 2017 da uva Syrah.

Das sobremesas, dos deuses, provamos o Creme brulée de doce de leite Eisland recheado com fatia de queijo Alagoa – MG e flor de sal (R$ 28,00), bem como a Coalhada, favo de mel, frutas vermelhas e manjericão (R$ 26,00) de perder o fôlego!

Nem preciso dizer de que forma saímos de lá. Muito satisfeitos mas com peso extra a ser queimado em caminhadas.

20190710_163420

Desta vez ficamos hospedados no Hotel Toriba. Já nosso conhecido, possui instalações amplas e muito confortáveis, com várias salas, incluindo a sala de piano e o bar.

Com piscina e SPA, com uma paisagem fascinante, é um lugar lindo e convidativo para ir em casal ou com a família e crianças.

Lá estivemos por algumas vezes e sempre fomos muito bem recebidos e acomodados.

Caminhamos um pouco pois a tarde já caia e observamos mais uma vez a paisagem típica da região ao entardecer, sem deixar de dar uma volta no SPA Toriba, no Toribinha e absorver o ar puro da paisagem verde, regados a um céu azul de brilho límpido e acolhedor.

20190710_172717

Bem no finzinho da tarde, quase noite, sentamos para ouvir o som do piano acompanhados de um bom vinho, produzido pela Vinícola Villa Santa Maria com rótulo especial para o Hotel Toriba, o vinho corte Bordalês de Merlot (71%), Cabernet Franc (17%) e Cabernet Sauvignon 12%), safra 2014, um momento único que reuniu o som de músicas consagradas em harmonização sensorial indescritível.

Finalizamos a noite com jantar no Restaurante do hotel, o Pennacchi, com um Creme de palmito com queijo gratinado (R$ 45,00), Carpaccio com folhas (R$ 35,00), Stinco de Javali com polenta cremosa e queijo de cabra e Picanha ao molho de alho e arroz primavera.

20190710_172433

Dormimos como anjos em noite fria mas aquecidos pelos momentos vivenciados.

No dia seguinte acordamos bem cedo, tomamos banho e o nosso café especial e rumamos para São Paulo, afinal, a vida não para!

Até a próxima!

Nosso agradecimento a Cozinha da Montanha pelo acolhimento, em nome de nossa querida Valéria.

Assista os vídeos relativos a estes textos em nosso canal no YouTube:

– Hotel Toriba: https://www.youtube.com/watch?v=KcZzTnp_lEw&t=97s

Avenida Ernesto Diederichsen, 2962 – Campos do Jordão – SP (12) 3668-5000

– Retaurante Dona Chica: https://www.youtube.com/watch?v=s_R7Av4Muwc&t=3s

Avenida Pedro Paulo, S/N – Horto Florestal – Campos do Jordão – SP (12) 3663- 3953

– Restaurante Vila Chã: https://www.youtube.com/watch?v=cgxrsFTdCnQ&t=3s

Avenida Engenheiro Diogo de Cravalho, 99 – Capivari, Campos do Jordão – SP (12) 3663-4702

– Restaurante Moringa Mantiqueira: https://www.youtube.com/watch?v=AzwFFHjHU3c&t=5s

Avenida Emílio Ribas, 478 – Capivari, Campos do Jordão – SP (12) 99641-2787

Se inscreva em nosso canal Rotas e Notas: https://www.youtube.com/channel/UCL1PImUtzqUub4xF0iktSPQ?view_as=subscriber

Acompanhem nossas contas no Instagram:

Rotas e Notas: @rotasenotas

Vinho dos Anjos: @vinhodosanjos

Divino Guia: @divinoguia