Cono Sur Reserva Especial Pinot Noir 2018 e harmonização com risoto

20200916_115858

Vinho chileno recebeu 91 pontos no Guia Descorchados

Pinot Noir premium desta vinícola chilena de grande expressividade, faz parte da linha RESERVA ESPECIAL no conceito “Valley Collection” que determina o teroir correto para a uva certa, levando-se em consideração as características de cada vale, ou seja, seu microterroir.

Este conceito permite extrair o melhor de cada uva em adaptação estudada e testada nos diversos terroirs.

Sou amante da Pinot Noir, casta que exige cuidados extremos no plantio, no manuseio e também na vinificação.

Importado pela La Pastina, o vinho tem coloração rubi brilhante e claro. No nariz notas de frutas vermelhas maduras, sutil defumado, rosas, especiarias e canela. Em boca é fresco, acidez pronunciada, taninos macios, corpo leve e boa persistência.

Leve toque de pimenta e especiarias, frutas vermelhas como framboesa.

80% do vinho tem passagem por barricas de carvalho francês por 11 meses e os outros 20% em inox.

Parte das uvas é proveniente de San Antonio (85%) e Casablanca (15%). O teor alcoólico é de 14% em um conjunto harmonioso e complexo.

Harmonizamos com um risoto de alho poró e cogumelos e ficou esplendido!

Segue a receita para 1 pessoa (Para 2 pessoas dobre a quantidades).

20200926_110724

Risoto de alho poró e cogumelos

INGREDIENTES

Para o cogumelo:

200 gramas de cogumelos París

1 colher de sopa de manteiga

Sal a gosto

1 colher de sopa de azeite

½ cebola picada

1 colher se sopa de molho shoyu

1 colher de sopa de molho inglês

½ xícara de cebolinha picada

Para o risoto: (1 taça de vinho branco:opcional)

½ xícara de alho poró picado em rodelas

1 colher de sopa de manteiga

Sal a gosto

1 xícara de arroz arbóreo (Usamos o arroz arbóreo da La Pastina)

1 colher de sopa de azeite

½ cebola picada

1 tablete de caldo de legumes (se preferir fazer o caldo deixe ferver com vários legumes e utilize este caldo)

Modo de preparo dos cogumelos:

Em uma panela junte o azeite e a manteiga, em fogo baixo acrescente a cebola picada e o sal.

Deixe refogar levemente e adicione os cogumelos picados em fatias. Adicione o shoyu e o molho inglês e deixe refogar até ficarem mais escuros (cerca de 15 minutos), no final adicione a cebolinha e desligue o fogo. Reserve

Risoto – Tempo de preparo: 25 minutos

Em uma panela grande ferva a água com o caldo de legumes e experimente o sal.

Em outra panela refogue a cebola picada com o azeite e a manteiga, adicione a xícara de arroz arbóreo e mexa sempre adicionando conchas da água de legumes, nunca deixando secar e nem deixando de mexer.

Faça isso cozinhando o arroz por 20 minutos sempre mexendo (e não deixando grudar). Adicione os cogumelos que foram reservados e experimente o sal. Se precisar adicione mais uma pitada.

Mexa por mais 5 minutos e adicione o alho poró picado. Desligue a panela.

20200926_110853

Seu risoto está pronto!

La Pastina

www.lapastina.com.br

 

 

 

Total Vinhos: Três vinhos diferentes, três fantásticas experiências

20200805_172312

Degustação comentada reúne jornalistas em torno do tema de vinhos orgânicos e biodinâmicos

Unindo os enólogos José Aguirre e Patrício Torres, da Veramonte, Pedro Dourado, da Lusovini, e Marco Antonio De Martino da Nuevo Mundo o bate papo marcou a característica dos diversos terroirs e a experiência de cada um na condução dos parreirais, da vinificação e o resultado final da taça.

Vinhos com preços acessíveis como o Ritual Chardonnay do Chile, Pedra Cancela Eco-Friendly de Portugal e o Nuevo Mundo Carménère também do Chile.

Nas explanações um pouco dos projetos de cada enólogo, sua visão de futuro e também os projetos que fazem parte da empresa TDP Wines que engloba a Total Vinhos (E-commerce) o projeto Go Up! Entre outros negócios sendo fomentados, tanto para o consumidor como para o segmento B2B.

O respeito ao meio ambiente pauta a atuação da Total Vinhos que conta um portfólio de rótulos das mais reconhecidas vinícolas de manejos orgânico e biodinâmico, com produções baseadas na busca pela maior qualidade de vida da terra, dos vinhos, dos produtores e dos consumidores.

A plena relação entre o solo, as plantas, os ciclos da lua e o respeito à biodiversidade em torno da vinícola são os principais aspectos da agricultura biodinâmica. Elementos naturais como chás auxiliam na mineralização do solo, que não recebe agentes químicos. A plantação de rosas e girassóis entre as videiras controla a proliferação de pragas.

É a forma biodinâmica de garantir o equilíbrio natural. Sem o uso de produtos sintéticos, a agricultura biodinâmica é responsável pela elaboração de vinhos mais intensos, saudáveis e saborosos.

A ausência do uso de pesticidas, fungicidas ou qualquer outro agrotóxico também marca a produção dos vinhos orgânicos, cuja elaboração ocorre através da agricultura convencional. Esse tipo de vinho geralmente é produzido com leveduras indígenas, fermentação espontânea e o mínimo de intervenções.

A Nuevo Mundo, marca da De Martino, desde o início do século tem seus vinhedos certificadamente orgânicos. Também foi a primeira vinícola a obter o certificado Carbon-Free na América do Sul.

Em Portugal, a gigante Lusovini se dedica ao conceito eco-friendly no projeto Pedra Cancela, criado a partir de cultivo e manejo realizados de forma a minimizar o uso de qualquer produto que seja nocivo à saúde da vinha e das pessoas.

Um pouco sobre os três vinhos degustados e comentados:

20200804_172239

– Ritual Chardonnay 2017

Do Vale de Casablanca no Chile, este chardonnay tem cor límpida com reflexos esverdeados. Nos aromas prevalece o cítrico com destaque para a maça verde e tangerina. Em boca acidez pronunciada, toque de baunilha em contraste com um limão.

Colheita e seleção manual, teve sua fermentação fracionada em ovos de concreto (20%), barricas novas (20%) e neutras (60%). A maturação seguiu em tanques de aço inox.

20200804_171024

– Pedra Cancela Eco-Friendly 2014

Corte das uvas Touriga Nacioanl, Alfrocheiro, Tinta Roriz e Jean, este vinho da Lusovini da região do Dão em Portugal é uma grata surpresa.

De coloração ainda intensa, tem um potencial de guarda de mais de 10 anos. Estagia 6 meses em barricas de carvalho francês.

Um vinho aveludado, com nuances de frutas vermelhas nos aromas e boca. Tabaco e tofffee ainda complementam a boca em um final gostoso e marcante.

20200804_184049

– Nuevo Mundo Carmenérè  2016

Delicado e refrescante este carmenérè é fruta fresca em nariz e boca. Com notas ainda de especiarias e tabaco, foi elaborado no Vale de Maipo no Chile com condução orgânica.

Tem passagem de 12 meses em barricas de carvalho francês e cubas de concreto, mas tem leveza e elegância na medida certa e equilibrada. As leveduras utilizadas são indígenas. É saboroso e tem um final longo e persistente.

Para adquirir os vinhos basta acessar o site da importadora: www.totalvinhos.com.br

Saúde e boas experiências!

 

 

Los Vascos Rose: Fácil de harmonizar, fácil de beber

20200502_121300

Rose do Chile com cara de Provence faz parte do portfólio da Edega

Que alegria poder provar um rose generoso como o Los Vascos, projeto da Domaine Barons de Rothschild no Chile.

Leve, elegante e versátil este rose lembra os roses de Provence, tanto perla cor como pela delicadeza e suavidade.

Quando falamos da versatilidade é porque ele vai muito bem, tanto com entradas e saladas como com pratos descontraídos e despretensiosos.

A alegria ficou maior quando fiquei sabendo que tanto ele como boa parte da linha, faz parte do portfólio da Edega, braço da importadora PNR e que atende o consumidor final.

Além do Los Vascos Rose 2018 (R$ 145,00) que provamos, fazem parte também do portfólio os vinhos:

Los Vascos Chardonnay 2015 (R$ 95,00)

Los Vascos Sauvignon Blanc 2015 (R$ 95,00)

Los Vascos Carménère Grande Reserve 2013 (R$ 125,00)

Le Dix de Los Vascos 2015 (R$ 575,00)

A vinícola Los Vascos é o projeto da Domaine Barons de Rothschild no Chile, o mesmo ramo da família proprietária do legendário Château Lafite.

Nos vinhedos de Los Vascos, que em espanhol significa “os bascos”, em homenagem aos seus fundadores, eles encontram o terroir que melhor expressa a incessante busca da qualidade de seus produtos.

Sua localização perto do oceano, os solos semiáridos excepcionais, a qualidade da água para irrigação e a intensa exposição ao sol com pouco risco de geada tem as condições climáticas perfeitas para a produção das uvas que resultam em vinhos elegantes e ricos em complexidade aromática.

Mas vamos ao vinho que provamos gentilmente enviado pela PNR.

20200502_121345

Fugindo um pouco da questão tradicional e previsível, harmonizamos o nosso rose com uma massa. Sim, uma massa, um macarrão parafuso, leve com um molho ligeiramente adocicado pelos tomates, cebola e também com uma cremosidade dada pelo toque de creme de leite.

A leve picância foi dada com um pouco de calabresa sêca, dando um toque que vai além do salgado e do doce.

Ao provar a massa e o vinho, pudemos sentir a sinergia entre os dois componentes líquido e sólido em combinação harmoniosa que só fez nossas sensações se ampliarem no gosto e no paladar. Um deleite aos olhos e ao puro sabor que aliou a doçura na massa e molho com as características do toque de frutas como o morango e a framboesa do vinho. O vinho por si só é agradável para se beber mesmo sem nenhum acompanhamento.

A maturidade adquirida pelos seus dois anos de garrafa, conferiu uma crescente nos aromas e sabores, marcado pela sua composição de 50% Cabernet Sauvignon, 40% de Syrah e 10% de Mouvédre.

Maiores detalhes incluem colheita manual e claro, a localização do vinhedo que fica em Colchagua no Chile.

Estas experiências gastronômicas aliadas aos vinhos são uma característica nossa de buscar o diferente mas harmonioso no momento do consumo entre vinho e comida.

O vinho assim como o restante da linha, pode ser encontrado no site da Edega (www.edega.com.br).

Experimente, invente, tente! Saúde!

 

 

 

 

 

 

 

Vem aí a edição 2020 do Guia Descorchados, maior guia de vinhos da América do Sul

lOGO dESCORCHADOS

Atenção: Novas datas. Em SP 11 de Agosto e RJ a ser definida

Em sua 21ª edição bateu todos os recordes de avaliações em vinhos

O Guia Descorchados nada mais é do que uma grande aventura que se tornou um grande guia de vinhos da América do Sul.

Em suas andanças, Patrício Tápia foi mapeando as vinícolas sul-americanas, sempre buscando o que de melhor ele encontrava.

Grande referência nos vinhos da América do Sul, o Guia Descorchados, hoje é a maior referência do mundo de vinhos produzidos na Argentina, Brasil, Chile e Uruguai, elaborado com a colaboração do brasileiro Eduardo Milan, editor de vinhos da Revista Adega e Descorchados.

Nesta edição foram provadas amostras de 4.664 vinhos, de 540 vinícolas diferentes.

Com isso são mais de 3.000 rótulos descritos e pontuados na 21ª edição do Guia que será lançado nos dias 11 de Agosto, em São Paulo, no Rio de Janeiro a ser definida.

Evento aberto ao público e ao mercado dos vinhos, conta com a participação de mais de 90 vinícolas, em São Paulo e 30 no Rio de Janeiro.

Todas elas apresentarão os rótulos avaliados, para a maior degustação de vinhos sul-americanos do planeta.

Ainda há uma série de palestras ministradas pelo próprio Patricio Tapia durante os eventos.

A organização do evento, que já faz parte do calendário de vinhos no Brasil, é da INNER Group, sócia do Guia Descorchados no Brasil. “A publicação não para de ganhar relevância entre os profissionais e amantes do vinho no Brasil e no mundo”, aponta Christian Burgos, CEO e publisher da empresa.

Venda de Ingressos

Ingressos para São Paulo:

https://www.eventbrite.com.br/e/degustacao-de-lancamento-guia-descorchados-2020-sao-paulo-tickets-91849553487

Ingressos para Rio de Janeiro:

https://www.eventbrite.com.br/e/degustacao-de-lancamento-guia-descorchados-2020-rio-de-janeiro-tickets-93931891817

SERVIÇO

Guia Descorchados 2020 – São Paulo

Local: Villagio JK – Rua Funchal, 500,  Vila Olímpia, São Paulo – SP

Data: 11 de Agosto de 2020

Horário: Trade e Imprensa – 14h às 17h // Público final – 18:30h às 21h

Vinícolas participantes:

Descorchados 2020

 

Guia Descorchados 2020  – Rio de Janeiro

Local: A ser definido

Data: A ser definida

Horário: A ser definida

Vinícolas participantes:

Descorchados 2020 RJ