Festival do Espumante se consolida como evento único do calendário nacional

20181124_151033

Evento aconteceu no Centro de Convenções Frei Caneca

Evento de degustação dá o start para o clima do verão e das festas de final de ano. Reuniu 26 importadoras e vinícolas com apresentação de mais de 140 rótulos escolhidos a dedo, sendo 11 lançamentos, todos disponíveis para compras no dia do evento com preços promocionais que variavam de R$ 29,90 a R$ 399,00. Disponíveis na loja do Empório Frei Caneca.

Dos participantes estavam:

Adega Alentejana, Baccardi/Martini, Barrinhas, Cantu, Casa Flora, Casa Perini, Casa Valduga, Cave Geisse, Decanter, Devinum, Don Guerino, Épice, Grand Cru, Inovini, Interfood, Italiamais, La Pastina, Miolo, Moët Henessy (Champagne Veuve Clicquot e espumante Chandon), Pernod Ricard (Champagne Perrier Jouet), Puklavec, Qualimpor/Freixenet, Ricex, Salton, Vinícola Aurora e Winebrands.

Mais uma vez a organização foi impecável! Fazendo do evento/degustação um momento de descontração onde pude experimentar as novidades e também os rótulos que eu não conhecia.

Claro que tenho meus destaques pessoais que encantaram e sobre eles falarei um pouco mais abaixo.

Mas o que valeu mesmo foi a oportunidade de provar espumantes de diversos países e tipos em um único espaço. Show!

20181124_160026

– O Cava Muga Conde de Haro Extra Brut, importado pela Épice e na faixa de R$ 99,00 no dia do evento.

Um  espumante único! De Rioja, Espanha. Corte das uvas Viura (90%) e Malvasia (10%), com 12,5% de teor alcoólico.

Com primeira fermentação em depósito de madeira de mil litros. A segunda fermentação se dá na garrafa em método tradicional. Tem excelente estrutura, perlage fino e abundante, predominam as frutas, flores e notas de mel e baunilha. Bastante complexo e elegante.

Um dos que mais apreciei na prova.

20181124_162542

– O Espumante Bocelli Brut Rosé foi outro que me inspirou. Importado pela Itália Mais.

Na composição 50% Chardonnay, 35% Prosecco e 15% Pinot Noir. Passa três meses em garrafa. É delicioso, fino, com ótima acidez e ao mesmo tempo é seco.

Tem no final de boca uma sensação de doce de goiaba, ou goiaba mesmo.

Sensacional! Faixa de preço no dia do evento de R$ 112,00.

20181124_154250

– Outro que me encantou e encanta, sendo uma ótimo custo x benefício é o Espumante Casa Valduga Sur Lie, claro, da Casa Valduga, Brasil, Vale dos Vinhedos.

Na composição 80% Chardonnay e 20% Pinot Noir.

Passa por maturação mínima de 30 meses em cave + evolução até abertura da garrafa e maturação parcial (10%) em barricas de carvalho francês

Na faixa de R$ 69,00.

Se apresenta em sua forma mais bruta, sem dégorgement e consequentemente, sem dosagem pós-dégorgement de licor de expedição.

Por não passar por este afinamento, a autólise das leveduras ocorre enquanto a garrafa mantem-se fechada. Esse é o grande diferencial deste exemplar, ele continua envelhecendo por tempo indeterminado e a decisão de interromper esse processo é única e exclusiva sua, que decidirá o tempo de maturação da bebida, para aprecia-la conforme sua preferência.

Mais alguns outros que me encantaram:

Espumante Casa Valduga 130 Blanc De Noir, os Líricas da Decanter, os Champagnes Taittinger Brut Reserve Blanc e Prestigie Rosé e o Champagne Deutz Brut Classic.

Para harmonizar tivemos um buffet especial composto por risoto de funghi chileno, ceviche, terrine, dadinho de tapioca, polenta em cubos, mini tartar de salmão, homus, caponata, castanhas, queijos, frios, frutas, pães, patês, azeitonas, canapés, espetos mistos, voulevant de creme com frutas, mini cookies e frutas secas.

20181124_182316

Outro evento destes agora? Ah! Só no ano que vem!

Saúde!

Vinhos e espumantes para todos os bolsos: Ideais para presentear ou desfrutar

novo-ano

Esta época de festas envolve uma preocupação grande em presentes. É a época das comemorações, nas empresas, do amigo secreto, da troca de presentes entre familiares e dos grandes brindes para o ano que se aproxima.

Não pode faltar na mesa de cada família ou casal, as lindas taças que compõem estes momentos especiais e nelas ou um bom vinho ou um excelente espumante ou Champagne.

Abaixo algumas sugestões de presentes nestes momentos tão especiais. É a hora de brindar a vida e garantir que os anseios ao novo ano se concretizem.

Abaixo algumas sugestões para brindar o natal, o ano novo e a vida!

clicquot-rich-rose

Champagne Clicquot Rich Rosé: Clicquot Rich Rosé é o primeiro champagne rosé do mundo a ser criado exclusivamente para o preparo de drinks. Uma nova experiência de degustar champagne, uma bebida versátil para ser consumida em qualquer hora e lugar.Inspirada por uma visão de degustação contemporânea, Veuve Clicquot uniu-se a mixologistas profissionais para criar um vinho totalmente novo, com uma “dose” mais elevada de doçura e sabor. Para o drink perfeito bastam o Rich Rosé, 5 cubos de gelo e um ingrediente a sua escolha, entre eles: rodelas de abacaxi, limão, gengibre ou até mesmo com chá Earl Grey. Ingredientes perfeitos que enaltecem os sabores e aromas do Clicquot Roch Rosé.

À venda em empórios e lojas especializadas de todo o Brasil.

Preço sugerido: R$ 490,00

Importador LVMH

clicquot-arrow-rio-de-janeiro-2

Clicquot Arrow: Para homenagear o espírito aventureiro da Madame Clicquot, chega ao Brasil a charmosa embalagem Clicquot Arrow. Qual será o seu próximo destino? Arrow aponta o caminho! Uma reinterpretação dos tradicionais sinais de trânsito, a nova embalagem, de metal e estilizada com a conhecida cor Yellow Clicquot, traz uma garrafa do seu champagne preferido, o Veuve Clicquot Yellow Label.

A embalagem em formato de seta apresenta uma seleção de 29 destinos, entre eles estão: Rio de Janeiro, Ibiza, Berlim, St. Tropez, Paris, Milão, Nova York, Miami, Las Vegas, Mykonos, Tóquio, Sydney, Havaí, Istambul, Montreal, Cape Town e muitos outros. A Clicquot Arrow traz também a distância, calculada em quilômetros, a partir de Reims, o centro da produção da Maison Veuve Clicquot. Um must have colecionável, que pode ser usado quando e onde desejar ou transformado em objeto de design na decoração da sua casa.

Preço Sugerido: R$ 440,00 (embalagem Arrow + garrafa 750 ml Veuve Clicquot Brut)

Importador LVMH

kit-taylors-select-reserve

Kit vinho do Porto Taylor’s com 2 taças de cristal: Uma charmosa embalagem para presentear. A caixa acompanha uma garrafa 750 ml de vinho do Porto Taylor´s Select Reserve, da maior produtora mundial deste tipo de vinho, e duas taças de cristal. Um vinho fresco e imensamente frutado. Harmoniza bem com queijos, frutas secas e sobremesas com chocolate. Importado exclusivamente pela Importadora Qualimpor, o Kit Taylor’s Select Reserve pode ser encontrado em empórios e lojas especializadas de todo o país.

Preço: R$ 164,00

Importadora Qualimpor

crasto-superior-syrah

Vinho tinto Crasto Syrah: Crasto Superior Syrah 2013 é produzido a partir de uvas de plantações experimentais da casta syrah, localizadas desde 2014 na Quinta da Cabreira, na região do Douro Superior. Um vinho extremamente elegante e com características singulares do Douro Superior. Produzido sob supervisão do enólogo da Quinta do Crasto, Manuel Lobo, este tinto teve seu envelhecimento em barricas de carvalho francês durante 16 meses. No Brasil, é importado e distribuído pela Qualimpor.

Preço sugerido: R$ 299,00

Importadora Qualimpor

monte-velho-tinto-2015

Vinho Tinto Esporão Monte Velho: A safra 2015 do vinho tinto Monte Velho acaba de chegar ao mercado brasileiro. Leve, elegante e harmoniza muito bem com vários tipos de culinária, Monte Velho é o vinho que melhor traduz a tradição portuguesa, transformada num momento de socialização, para compartilhar com família e amigos. Produzido na Herdade do Esporão, no Alentejo, esse vinho reflete as características do seu terroir e do seu modo de produção, que segue os princípios da produção integrada, rigorosamente adaptados pelo Esporão. Estas práticas sustentáveis são determinantes na qualidade e fertilidade dos solos, na capacidade de proteção natural da vinha e, consequentemente, na qualidade dos vinhos. Hoje, é o vinho mais consumido de Portugal e que melhor representa a região do Alentejo.

Preço: R$ 74,00

Importadora Qualimpor

esporao-trincadeira-2015

Vinho Tinto Esporão Trincadeira: A Importadora Qualimpor traz ao Brasil o vinho tinto Trincadeira, da vinícola portuguesa Herdade do Esporão. Um vinho varietal expressivo, equilibrado e único, que expressa o potencial desta casta, em plena harmonia com o terroir da Herdade. Produzido sob supervisão dos enólogos David Baverstock e Luís Patrão, Trincadeira 2015 é um vinho agradável e fácil de beber. 
Possui aroma de fruta madura com sugestões de ameixa, de aromas intensos e persistentes, com acidez equilibrada, textura aveludada. Data ideal para consumo: de 2016 a 2019. O Trincadeira 2015 é importado e distribuído exclusivamente pela Importadora Qualimpor e pode ser encontrado em garrafas de 750 ml nas principais de lojas especializadas do país.

Preço sugerido: R$ 106,00

Importadora Qualimpor

ruinart-rose

Champagne Ruinart Rosé: Descobrir Ruinart é a chave de acesso ao universo da mais antiga Casa de champagne. Uma Casa que, desde 1729 cria seus cuvées da mesma maneira, um espírito de pureza, luminosidade e elegância… Esse cuvée é ideal servido como um aperitivo noturno. Elaborado com vinhos da colheita de 2000 e 20% de vinhos safrados de 2 anos precedentes, esse champagne deve sua elegância e delicadeza a alta porcentagem de Chardonnay, da região da Côte des Blancs (45%). A maior porcentagem de Pinot Noir da região da Montagne de Reims (55%, sendo 19% vinho tinto), providencia um toque de frutas delicadas.

Preço sugerido: R$ 582,00

Importador LVMH

assobio-branco-2015
Vinho Branco Assobio Quinta dos Murças: Assobio Branco 2015 é produzido com base nas variedades nativas, respeitando a tradição vitivinícola da mais antiga região demarcada do mundo. Expressa o aroma vibrante das castas mais tradicionais do Douro, demonstrando assim o seu grande potencial para vinhos equilibrados e que harmonizam com diversas culinárias. Assobio é o nome de uma encosta ventosa da Quinta, onde se encontram as vinhas de maior altitude.

Feito a partir das castas Viosinho, Rabigato, Verdelho, Gouveio, Arinto e Códega do Larinho, cujas uvas foram colhidas e selecionadas manualmente. Proveniente de vinhas de 15 anos de idade, é um vinho branco muito fresco e elegante, de acidez persistente e final também persistente, dominado por notas cítricas. De aspecto límpido, com reflexos esverdeados, possui aroma cítrico, com notas de limas e maracujá. 
Disponível em garrafas de 750 ml.

Preço sugerido: R$ 113,00

Importadora Qualimpor

taylors-1966-colheita-50-anos

Vinho do Porto Taylor’s Single Harvest 1966: A Qualimpor traz ao Brasil, em quantidade limitada e somente sob encomenda, o vinho Taylor´s 1966, terceira safra da Coleção Single Harvest Colheita 50 Anos. Um vinho raro, proveniente de um só ano e que atinge a maturação em velhos cascos de carvalho. A Taylor´s, dentre todas as produtoras de vinho do Porto, é a que possui uma das maiores e mais antigas reservas de vinhos do Porto envelhecidos. A partir disto, decidiu lançar a cada ano um vinho Single Harvest, produzido com uma antecedência de 50 anos. É apresentado na clássica garrafa fosca associada aos famosos Tawnies de idade da Taylor’s e acompanhado por uma linda caixa de carvalho.
Preço: R$ 1.300,00
Importadora Qualimpor

vinho-defesa-rose

Vinho Rosé Defesa: Vinho produzido na região do Alentejo pela Herdade do Esporão. De cor rosada muito viva, apresenta um aroma intenso de amoras e cerejas. Acompanha pratos ligeiramente condimentados e saladas de camarão, sendo também um ótimo aperitivo.Um vinho contemporâneo, elegante e intenso ao mesmo tempo. Ideal para ser degustado em qualquer ocasião. Encontrado em lojas especializadas e empórios de todo o Brasil.
Preço: R$ 100,00

Importadora Qualimpor

Contato:

Importadora Qualimpor – www.qualimpor.com.br | (11) 5181-4492

Importador LVMH: (11) 3062-8388

 

 

 

 

 

Espumantes Brasileiros dão o tom (e as borbulhas) no GUIA DESCORCHADOS 2016

Espumantes do Brasil

 

Dia 21 de março foi lançado em São Paulo, o Guia Descorchados 2016 em português, em evento realizado pela Revista Adega e Inner Editora.

IMG_7877

Além de uma gama de vinhos tranquilos de qualidade indiscutível apresentada, os espumantes foram destaque. E tem sido sempre assim, um crescimento que nos alegra em cada borbulha.

Pela segunda vez, Patricio Tapia (idealizador do Guia) avaliou os espumantes brasileiros, além dos vinhos da Argentina, Chile e Uruguai, trazendo para a apresentação em São Paulo, vários produtores e representantes dos vinhos pontuados destes países.

Paralelamente a apresentação dos vinhos, ocorreu uma Master Class dos espumantes brasileiros conduzida por Patricio Tapia e comentada pelos produtores.

Para o Guia deste ano, foram analisadas 226 amostras de espumantes brasileiros de diversos produtores, sendo que 44 deles se destacaram com pontuações iguais ou superiores a 90 pontos. Destes destaques, 40 foram elaborados pelo método tradicional, predominando vinhos base de Chardonnay, Pinot Noir e Riesling Itálico. Foram ressaltados também os bons moscatéis produzidos e provados.

Em destaque na degustação Master Class, sete amostras foram degustadas, representando grupos e que dispensam comentários, pois além de minuciosa elaboração, são de grande presença em boca e fácil harmonização.

DSC00754

. 93 pontos – Melhor Espumante

Pizzato Vertigo Nature Chardonnay, Pinot Noir 2013 (Método tradicional)

. 92 pontos – O Eleito Pinto Bandeira

Cave Geisse Terroir Nature Chardonnay, Pinot Noir 2011 (Método tradicional)

. 91 pontos – O Eleito Serra Gaúcha

Piagentini X Decima .Yoo Brut Nature Edição Especial Chardonnay, Pinot Noir, Viognier 2012 (Método tradicional)

. 91 pontos – O Eleito Campanha Gaúcha

Guatambu Nature Chardonnay 2014 (Método tradicional)

. 90 pontos – Menção

Maximo Boschi Extra Brut Speciale Chardonnay, Pinot Noir 2009 (Método tradicional)

. 91 pontos – O Eleito Vale dos Vinhedos

Miolo Millésime Brut Chardonnay, Pinot Noir 2011 (Método tradicional)

. 91 pontos – Vinho Revelação

Domno Ponto Nero Conceptual Edition Rosé de Noir Pinot Noir NV (Método Charmat)

Segundo Patricio Tapia, o Descorchados 2016 é a fotografia do que esta acontecendo no Brasil e o projeto para o Descorchados de 2017 é a inclusão dos vinhos tranquilos nacionais, possivelmente com muitas surpresas para todos nós!

Colaboração: Eduardo Morya

Método tradicional, ou Champenoise e o aroma de pão

IMG_2550

Uma vez que o vinho base, ou seja, o vinho que dará origem ao espumante está preparado ele é engarrafado em um processo chamado de “tiragem”.

Basicamente, o vinho é misturado com uma cultura de fermento ativo e uma quantidade específica de açúcar, de modo que, dentro da garrafa ele começa a fermentar.

O gás de dióxido de carbono é um produto gerado pela fermentação e por isso fica preso no interior da garrafa fechada, produzindo bolhas.

Esta fermentação secundária na garrafa (sim, porque a primeira foi para a elaboração do vinho base) se processa em poucas semanas e todo o açúcar é consumido pela levedura.

Quanto mais tempo as leveduras são deixadas nas garrafas, após a fermentação estar completa, mais sabor, textura e complexidade darão ao vinho.

A levedura é um organismo vivo, um fungo, vital para o processo de fermentação.

Os vinhos que foram armazenados com as borras da levedura por anos, são muito cremosos e complexos.

Já reparou no aroma exalado pelo espumante ou Champagne quando aberto e na taça? Sentiu aromas de pão, fermento e padaria? Então observe que o aroma exalado é fruto da fermentação e da ação das leveduras. Como no pão e do momento em que ele cresce através da fermentação!

Todo o sedimento da levedura que se encontra depositado na garrafa, deve ser removido antes que o vinho siga para ser consumido ou distribuído.

Todo este processo de remoção deve ser feito um pouco antes de o vinho seguir para o consumo, pois se for retirado antes, o vinho perderá frescor e poderá haver diminuição das bolhas.

Todas as leveduras e sedimentos são forçados a ficar no bico da garrafa, ou seja, no gargalo. Ficam em uma posição em que o ângulo permita esta descida de depósitos.

As garrafas são giradas e inclinadas de uma forma muito particular e ao longo de várias semanas. É o tal do “remuage” como se houve falar nas rodas de especialistas.

O “dégorgement” é o momento em que ocorre a retirada dos sedimentos. As garrafas são colocadas de cabeça para baixo e seu gargalo passa por um processo de congelamento que irá congelar os sedimentos para facilitar a remoção.

Apenas os gargalos das garrafas estão submersos e estes congelam em cerca de 5 minutos.

IMG_2543

Esta parte de sedimentos congelados é então removida e rapidamente é adicionado o famoso licor de expedição feito do xarope de açúcar, ou um vinho mais velho adoçado. A garrafa é então arrolhada e é colocada a “gaiola” para conter a rolha em função da pressão que se formou. Pronto, o espumante ou Champagne está pronto para ser consumido (ou guardado).